Personagens da Disney que foram inspirados em pessoas reais

Muitos personagens da Disney realmente existiram. Quer dizer, foi mais ou menos assim. Nós bem que queríamos que fossemos nós mesmas, mas não é o caso… hahahaha

Conheça alguns deles que, de alguma forma, são “reais”!

Vamos começar pela pioneira, claro. “Branca de Neve e os Sete Anões” foi lançado em 1937. Foi a primeira animação a ser exibida no cinema, então é óbvio que os recursos usados naquela época são bem diferentes dos de hoje em dia. Para reproduzir as cenas de Branca de Neve, os diretores do longa contrataram uma dançarina chamada Marge Champion. Ela pode ser considerada a verdadeira Branca de Neve! Usando a roupa da princesa, Marge interpretou todas as cenas da personagem para ajudar na produção final. E não foi só isso: ela também serviu de molde para os movimentos do anão Dunga.

Assista abaixo uma entrevista com Marge, feita em 2009, que conta um pouco mais sobre esse fato curioso.

Já a Rainha Má teve sua aparência e personalidade inspirada na personagem da atriz Helen Gahagan no filme “She”, seu único trabalho hollywoodiano. Posteriormente, Helen largou os holofotes para se dedicar a vida política.

A atriz Irene Bedard nasceu no Alaska e é descendente de índios americanos. Bedard não só foi a dubladora de Pocahontas como também serviu de inspiração para a aparência da personagem. Entretanto, é a cantora Judy Kuhn que empresta sua voz para as canções do filme – e que resultou em um Oscar de Melhor Canção Original, com “Cores do Vento”.

Irene Bedard

Pasmem: a aparência de Aladdin foi inspirada na de Tom Cruise. Tá explicado porque Aladdin é considerado um dos príncipes mais bonitos da Disney, né?! Porém, inicialmente, os produtores do filme queriam que o personagem lembrasse o ator canadense Michael J. Fox, mas logo descartaram a idéia, pois Michael não era “galã suficiente”.

Michael J. Fox

Michael J. Fox

Tá fácil acertar quem é a menina na foto abaixo, né?! Kathryn Beaumont foi o molde, inspiração visual e dubladora de Alice, do filme “Alice no País das Maravilhas”. E não para por aí: Beaumont serviu como tudo isso também para a Wendy, de “Peter Pan”, além de interpretar a personagem em um seriado da Disney.

Kathryn e Walt Disney

Falando em “Peter Pan”, alguém sabe quem é a simpática senhorinha nessa próxima foto? Infelizmente Margaret Kerry jamais recebeu seus devidos créditos pelo seu papel na animação, apenas por ser dubladora, mas foi ela também o molde e responsável por todos os movimentos e expressões faciais da fada Sininho. Entretanto, há boatos de que a aparência física da personagem foi baseada em Marilyn Monroe.

MargaretKerry

Veja também uma foto dos bastidores do longa, em que Margaret reproduz a cena de Sininho saindo pelo buraco da fechadura da porta:

251-149.tif

Já o vilão Capitão Gancho foi dublado e representado por Hans Corried. Ele também é conhecido por participar de outros filmes live-action da Disney.

Hook

E para finalizar a sessão “Peter Pan”, só faltava o personagem principal! Bobby Driscoll foi a inspiração física e dublador do menino que não queria crescer, além de também interpretar o personagem em um seriado na TV. Porém, é o dançarino Roland Dupree o molde para os movimentos de Peter.

Bobby Driscoll

Mudando de cenário agora… Vamos falar do filme “A Pequena Sereia”, de 1989.

Ariel teve base em várias inspirações dos produtores da animação. A começar pela aparência física, tudo leva a crer que a personagem principal tem seus traços de acordo com os de Alyssa Milano. A atriz, mais tarde, faria sucesso no seriado Charmed. Coincidência ou não, em certo episódio, sua personagem vira uma sereia.

Alyssa Milano

Mas não foi só de Alyssa Milano que os diretores de “A Pequena Sereia” se inspiraram para compor o visual de Ariel. Eles também foram atrás de outros recursos, e o resultado foi uma pintura de 1901, por John William Waterhouse. No quadro, podemos ver uma sereia penteando seus cabelos ruivos com um garfo. Clássico, não?!

Quem ficou responsável pelos movimentos de Ariel foi a atriz Sherri Stoner, que também serviu de molde para Belle (“A Bela e a Fera”). Já a voz mais cobiçada do oceano ficou por conta de Jodi Benson.

Sherri Stoner

Agora fugindo um pouco do tema do post, mais por curiosidade mesmo. Os vestidos usados pela personagem fazem total referência aos das princesas anteriores. Veja e compare:

 

Já a vilã Úrsula, a temida bruxa do mar, teve sua aparência e personalidade inspirada na da drag queen Divine. E não é que se parecem mesmo?!

ursula

Por último, mas não menos importante, personagens dos clássicos “A Bela Adormecida”, de 1959, e “Cinderella”, de 1950.

Dizem por aí que Audrey Hepburn foi a inspiração para a aparência física da princesa Aurora, mas a responsável pelos movimentos da personagem foi Helene Stanley. Assista abaixo a um video dos desenhistas copiando seus movimentos – que no filme ficaram identicos, super delicados – durante a produção da animação:

Além disso, a atriz também serviu como molde para Cinderella, sua irmã Anastasia e Anita, de “101 Dálmatas”.

Já Eleanor Audley também é uma daquelas atrizes de 1001 utilidades: a combinação dos seus movimentos, voz e beleza serviu como uma luva para a bruxa Malévola, de “A Bela Adormecida”, e para a madrasta da Cinderella.

Untitled-26

BÔNUS: Apenas “pessoas” serviram como inspiração para a Disney? A resposta é não!

Para fazer com que os movimentos dos filmes que tem animais como protagonistas parecessem o mais real possível, os produtores da Disney costumavam conviver com algumas espécies dentro dos estúdios. Um deles foi Faline, o veado molde para Bambi. Hoje em dia, eles se limitam a apenas visitar zoológicos, afinal o enclausuramento dos animais em escritórios para fins de trabalho é visto como crueldade.

bambi

Um dos maiores problemas para a produção de “A Dama e o Vagabundo” foi exatamente a criação de uma de suas estrelas: o Vagabundo. Lady era para ser uma cocker spaniel clássica desde o início, mas ninguém conseguia achar um visual ideal para o seu par no filme. Até o dia em que um dos escritores da trama viu um vira-lata na rua, perfeito para o papel. Assim como no filme, o esperto cão fugiu e ninguém conseguiu pegá-lo. Dias depois foi constatado que ele estava em uma carrocinha da cidade. Quando finalmente o levaram para os estúdios, descobriram que na verdade se tratava de uma fêmea, mas mesmo assim ela continuou sendo exatamente o que eles queriam: um vira-lata “legítimo” para compor o personagem. Depois de terminado o trabalho, a cadelinha  passou o resto de seus dias em uma casa de Hollywood.

tramp1

[ATUALIZAÇÃO | 13/05/2013]: Um usuário do Reddit de username Jamieleto criou sobreposições dos personagens Disney com os atores que serviram para criar seus movimentos. O resultado ficou muito interessante! Confira:

      

– Ariel

Anúncios

3 comentários sobre “Personagens da Disney que foram inspirados em pessoas reais

  1. Pingback: Veja como foram os primeiros rascunhos das Princesas Disney | Princesas do Reino Caiçara

  2. Pingback: Por trás das vozes – Os dubladores de “Alice no País das Maravilhas” | Princesas do Reino Caiçara

  3. Pingback: Por trás das vozes – Os dubladores de “Pocahontas” | Princesas do Reino Caiçara

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s